terça-feira, maio 03, 2011

Um poema para mim!!!

Um poema para uma noite de quase inverno
onde os Paços dos ventos vem frios mais belos
eu me esquento em minha solidão
dormindo na rua por pouco  no chão.

Um mesmo poema para mim mesma
para me sentir grande porque sou pequena
as vezes achando que nem sou ninguém
mas dizem tu és em noite serena.

Vestindo marron não gosto de mim
o poema me fala não se sinta assim
pergunto pra ele mas não me responde
pois letras não falam nem mesmo se escondem.

A poesia me diz a noite te espera
vem ao meu encontro como primavera
então me oferta a rosa mais bela.

Minha auto estima sobe até o céu
tirando do rosto o mais cruel véu
que me impediria de ver a beleza
que naturalmente da vida almeja.

Primeiro poema feitinho pra mim
como se pudesse escrever assim
falar da pessoa que está a narrar
sua própria história para eternizar.

Terê cordeiro.
03/04/2011.

6 comentários:

Malu disse...

Terê, às vezes é bom poemar para nós mesmos...
Faz muito bem a alma.
Um grande abraço

Marilu disse...

Querida amiga, lindo seu poema para você mesma, sempre nos preocupamos em escrever coisas para outras pessoas e nos esquecemos de nós mesmas. Parabéns. Tenha um feliz dia das mães. Beijocas

Mila Lopes disse...

Lindo seu poema Terê, singelo e profundo...

Bjss

Mila

Maria disse...

Querida amiga lindissimo poema.

"Poesia é quando uma emoção encontra o seu pensamento e o pensamento encontra palavras." (Robert Frost)

Beijinhos
Maria

ANGEL disse...

Amiga falar de si mesma é como se um espelho refletisse um pouco de nosso alma, não é mesmo? Gostei mesmo!

Bjosssssssssss

Kátia disse...

Que profundo! Estou adorando seu blog!!!!

Parabéns!