sexta-feira, julho 01, 2011

Fragmentos Meus.


Hoje estou entristecida
me veio a Despedida
de tempos da juventude
que já está esquecida.

Chegaram limitações
vem também as opressões
que a vida me impõe
tento me recompor.

Sustentada pelo ar
vigiada pelo tempo
castigada pelas rugas
invejada pelo vento.

Pela manhã o sol me aquece
ao meio dia o cansaço aparece
a tarde o sono chega
ao anoitecer o silencio me envolve.

Sou valente não me entrego
como leoa me revelo
contra o tempo corro
Independente do credo.

Vem então os pensamentos
pelos cantos eu lamento
quero aprender inovando
da vida juntar  fragmentos.

Terê cordeiro
01/07/2011.

3 comentários:

Arnoldo Pimentel disse...

Opressões existem para que possamos lutar contra elas e saudades sempre estarão presentes.Beijos

Edna Lima disse...

Estamos sempre nos despedindo de algo ou alguma coisa.
Mas partindo pra outros etapas...
Um belo final de semana. Bjs. Edna.

Miguel disse...


Bom dia!
Amai, pois, a vossos inimigos, e fazei bem, e emprestai, sem nada esperardes, e será grande o vosso galardão, e sereis filhos do Altíssimo; porque ele é benigno até para com os ingratos e maus.
Sede, pois, misericordiosos, como também vosso Pai é misericordioso.
Não julgueis, e não sereis julgados; não condeneis, e não sereis condenados; soltai, e soltar-vos-ão. (Lucas 11:35-37)

Que sua semana seja abençoada e de muita paz!

Deus seja contigo.

Blog Yehi Or!
www.hajalluz.blogspost.com