domingo, março 13, 2011

A noite e O Poeta!


As noites são torturantes
solidão e fantasia
mas me trazem inspiração
para escrever poesias.

Só assim me sinto viva
tento não ser evasiva
a poesia me conforta
para que me sinta viva.

Dizem que minha poesia
não tem verso não tem Rima
sem problemas continuo
perdoo quem me recrimina.

Poesia não tem dono
pertence quem a escreve
e ao leitor que entende
o que o poeta descreve.

Ser poeta ou poetiza
precisa ter Don divino
para descrever o belo
e escrever seu destino.

Poetizo as noites lindas
para falar de amor
não aquelas solitárias
que causam tristeza e dor.

Aos meus queridos leitores
dedico essa poesia
que fiz com amor e carinho
para alegrar o seu dia.

Terê cordeiro.
13/03/2011.

7 comentários:

Ivete disse...

Amei teu BLOG!
Muita emoção e poesia!
Te Segui, te ofereço meu singelo SELO de APROVAçÂo!
É só passar em meu Blog e Buscar.
Com Carinho
Ivete

Silenciosamente ouvindo... disse...

Amiga para colocar algum poema seu,
terá que mo enviar por email,porque
o seu blogue não permite que copie.
Meu email é:
iriste@portugalmail.pt
Um beijinho
Irene
(do blogue http://sinfoniaesol.
wordpress.com

ANGEL disse...

Pois sim, amiga! A solidão acompanha mesmo os poetas e poetisas. Assim, a inspiração se reflete no divino que Deus nos deu. Amei, parabéns!

Bjoss

Mgomes - Santa Cruz disse...

Amiga Tere: Obrigado pela tua visita a um dos meus blogues, Parabéns porque escreves com uma alma sensivel e coração de poetisa. Adorei ler os teus poemas.
Beijos
Santa Cruz

Cida disse...

Pois é amiga, a noite é mesmo dos poetas :)

Não se importe com as críticas, pois você escreve com a alma, e quem critica, é porque não deve ser capaz disso.

Obrigada pela linda poesia, pois estou precisando mesmo alegrar o meu dia.
Amanhã cedo minha netinha já está voltando pra SP, e meu coração já está ficando assim: :(

Beijo grande, e tenha uma belíssima semana.

Cid@

Maria disse...

Lindissimo poema. Amiga recebi um selinho que faço questão de partilhar consigo, pois quero deixar o meu apreço pelo seu blog, um espaço maravilhoso. Está no meu cantinho “SELINHOS – Presentes dos AMIGOS”, é um miminho especial é o Selo “GOTA NO OCEANO”.
Beijinhos
Maria

AFRICA EM POESIA disse...

Neste momento quero expressar aqui a minha solidariedade a todas as Famílias atingidas pelo tsunami de ontém.ONDA DEVASTADORA


Onda devastadora, cheia de beleza
Que rapidamente se transformou...
E destruiu tudo por onde passou...

Correu com loucura pela praia...
Saltou montes e vales...
Tudo levou e tudo varreu...

Onda sem compaixão...
Que entre os seus longos braços...
Tudo levou, pais, mães e filhos...

Sem piedade levou o amor da família...
Levou também o trabalho da terra...
E deixou, apenas a dor...

Dor de quem ficou e de quem tudo perdeu...
E tu onda devastadora...
Soltaste os teu braços...
E calmamente te foste!...

LILI LARANJO