sábado, agosto 14, 2010

TRIBUTO A SOLIDÃO!



tributo a solidão!
minha fiel companheira
todo decorrer da vida
fui a sua fã primeira
a ela presto homenagem
por ser amiga do peito
mesmo porque ela teima
em está sempre ao meu lado
tento escapar não consigo
nem dormindo ele me deixa
também já me acostumei
não adianta brigar
sei que é involuntário
o fato,dela me acompanhar.

carinhosamente tere.14/08/2010.

3 comentários:

REGGINA MOON disse...

Tere,

Ah, que lindo o seu verso...tão triste, mas tão real...essa companheira se faz presente em tantos momentos de nossas vidas...temos apenas de estar de bem com ela...pois tb é necessária....

Um grande beijo e bom Domingo!

Reggina Moon

Machado de Carlos disse...

Solidão


Ei-la, veemente, surge com seu manto
de púrpura na noite toda escura.
Ela, altiva, com cores de ternura;
O relógio não marca seu encanto!

O Astro Rei vem, volta, no entanto,
surgem na fronte rugas de torturas,
e, silente e surdo... Oh! Loucura:,
é a lâmina da morte sem o pranto!...

A mente desvairada obumbra,
e a alma jaz obtusa, na penumbra:
lembra da utopia como remédio.

A TV mostra o globo cor-de-rosa;
não existe o filme de outrora,
e, todo comercial é o mesmo tédio.


Machado de Carlos

Dani Hills disse...

Ai Tere, sei muito bem o que é ser amigo da solidão.

Muito bom texto!!!