sábado, março 24, 2012

Reinvenção

As vezes
O riso da uma pausa
O choro cala min'alma
A alegria tira folga
O desejo dorme
O folego morre
O tesão some
A tarde chove
A noite falta luz
A insônia chega
Bendito seja
O dia que vem vindo
Não consegui dormir
O sol me salva
Abraça-me com calma
Vem a inquietude
Trazendo o vento
Que diz assim
Vai você consegue
E eu me reinvento.

Terê Cordeiro.

16 comentários:

Amapola disse...

Boa noite, querida amiga Terê.

Que lindo!!
Reinventar com a energia do sol e do vento...

Menina, adoro essa música!!
Lembranças chegaram, abraçando o meu coração.

Tenha um belo domingo de paz.

Beijos.

Leninha disse...

Terê querida,

Muito lindo o seu poetar,reinventar-se é uma benção.
Uma feliz semana para você,amiga
Bjsssss,
Leninha

Maria disse...

Minha amiga reinventar é ganhar novas energias para seguir em frente.
Boa semana.
beijinhos
Maria

Silviah Carvalho disse...

Como sempre, muito profundo.

Malu disse...

Uma reinvenção cheia de sentimentos e ternura.
Que belo poema.
Um grande abraço

Socorro Melo disse...

Oi, Terê!

Esse é o grande segredo da vida, nos reinvertarmos a cada dia... Tornar novas todas as coisas, acreditar em dias melhores, nos enchermos de esperanças, e aí sim, podemos seguir confiantes...

Beijos
Socorro Melo

Anne Lieri disse...

Terê,muito linda poesia! O sol sempre traz uma nova esperança!Que belo esse reinvento!bjs,

Mery disse...

Te invejo no bom sentido; sabe aquela invejinha do bem... Tu és minha mana do coração ...essa poesia que diz assim: - Vai, você consegue!*
Bendito seja o dia e tudo que citaste , "a gente se reinventa", fazer o quê? Deus e sua mão que eu seguro*...e o Universo, porque se queremos Ele conspira a nosso favor, sim!!! Amém.
# Preciso de uma força que nem sabes...para viver longe do meus filhos, fugir de tiroteios todos os dias e dar esperanças a muitas crianças que precisam, enfim são tantos desafios e às vezes quero voltar ao passado e viver com meu marido(ex) que não amo, mas é "seguro ...
DEsculpe o desabafo, enfiim

beijinhos, amiga

Evanir disse...

Hoje é aniversário de uma amiga
muito especial para mim.
E para todos nos blogueiros caso não a
conhecer o endereço dela esta na postagem do blog.
Que tal deixar seu carinho a essa pessoa
tão especial?
Uma linda tarde beijos no coração.
Evanir.
saudades de ti amiga.

Maria Alice Cerqueira disse...

Ola Terê,
No agora tudo pode fugir ou sumir diante de nossos olhos, mas não é o fim, porque renascemos a cada amanhecer.
Linda a sua poesia! lindo o seu reinvento!
Tenha uma linda tarde!
Abraço amigo!
Maria Alice

Felisberto Junior disse...

Olá!Boa noite!
Sim! Em cada amanhecer, um renascer, um reinvento!
Lindo!
Boa sexta!
Beijos!

Rafael Bernardino disse...

Por vezes realmente isso nos acontece, a falta da alegria, a ausência de um sorriso.

Aqui deixo uma humilde opinião: Reinventar-se é necessário, por vezes não depende apenas de nós, e sim de outras pessoas a quem amamos.

Adorei a poesia!

La Gata Coqueta disse...



Paso a saludarte para hacerte participe del entusiasmo que me invade el corazón durante estos días. En la tierra que me ha visto nacer, crecer y desarrollarme como persona...¡¡Asturias!!

Cuando pasen las fiestas y regrese a mi habitual paisaje canario, volveré a abrazar la calidez de las letras, para seguir derramando los sentimientos archivados en aras del pensamiento.

Te dejo…

El sabor de un viejo abrazo

y un beso sin rubor.

María del Carmen


Leninha disse...

Terê querida,

Que belo e sensível seu gosto pela poesia.E que lindas melodias.Amei.

Marilda e Leninha

*** Cris *** disse...

E vc consegue mesmo!
Boa semana!

mundo da lua disse...

mais essa poesia é tão puramente bela que tenho de falar.