sábado, janeiro 21, 2012

O ludico.

A poesia é!
A palavra não dita.
Ludicamente escrita.

A voz rouca em oração
Alivio da alma.
Um momento de calma.

Vida em movimento.

Tere Cordeiro.

3 comentários:

Ricardo e Regina Calmon disse...

GRANDE INESQUECÍVEL E SUMIDA AMIGA:

SAUDADES TUAS E DE TUAS ESCRITAS INFINITAS

BZUZ DO CASAL

REGINA E RICARDO

VIVA LA VIE

ELAINE disse...

Parabéns pelo blog e pelas poesias! Lindas! Estou seguindo teu mosaico de seguidores e agradeço se me seguires de volta em meu mosaico! Seja bem vinda ao meu espaço, nosso espaço! Abraço fraterno e carinhoso!
Elaine Averbuch Neves
http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com/

Escondidinha disse...

Venha ajudar-me a pedir perdão. desvende os meus segredos

http://escondidinha08.blogspot.com/