quinta-feira, janeiro 13, 2011

...TENTO!


Tento chorar, me falta as lágrimas
dentro de mim, a dor se acalma
olho no outro, e vejo a mim
quando as lágrimas não tem fim.

Tento ser forte, e não pensar
que poderia ser diferente
se a gentileza  fosse verdade
e pertencesse a toda gente.

Tento entender, porque é assim.
e nada nunca podemos mudar
até alertamos o coração
todo o poder que temos de amar.

Tento pensar, será diferente
amanhã o sol, brilhará
mas o choro vem, tão de repente
e minha alma, tão triste está.

Tento dizer,  que isso é mentira.
mas a verdade me fala o contrario
para viver precisa coragem
sabendo que a vida é o próprio calvário.

autoria: terê cordeiro
13/01/2011.

5 comentários:

Silviah Carvalho disse...

Muito lindo e intenso seu poema, parabéns.

José Vitor disse...

Terê! É verdade, a vida incrusta em nós um calvário, e vai requerendo lágrimas.

Você foi a minha primeira seguidora, e eu me encantei com as tuas poesias. Eu não sou bom para comentar, mas muito obrigado!

abraços

Vieira Calado disse...

Sim, amiga!

às vezes a vida é um calvário!

Bjs

REGGINA MOON disse...

Tere,

Que lindo o seu verso!!Repleto de sentimento...num terno lamento!

Um grande beijo e bom final de semana!

Reggina Moon

**Tem selinho no Verso & Prosa pra voce...seu blog é um Luxo...

Diva L. disse...

"...para viver precisa coragem".

Sem dúvidas!
Bjs