domingo, junho 27, 2010

SOLIDÃO!




porquê essa cadeira vazia?
será porquê você não veio
ou porque você nunca existiu
essa resposta eu não sei.

esse vazio entre as duas
essas nuvens lá no céu
são prenuncio da solidão
que vem coberta com um véu.

solidão senhora não grata
 vem sempre na hora errada
chega e entra sem bater
sempre sem ser convidada.

entrarei com representação
em um juízo especial
contra essa senhora idosa
que nos causa tanto mal.

carinhosamente tere.27/06/2010.

Um comentário:

Amor feito Poesia disse...

Eu deixo aroma até nos meus espinhos,
ao longe, o vento vai falando de mim.

Cecília Meireles

Amor & Paz & Poesias na sua semana!
Beijos na alma.....M@ria